ESPORTE

Arboleda pede desculpas por vestir camisa do Palmeiras

img1

Sucesso News |

Arboleda pediu desculpas ao São Paulo por ter aparecido em uma foto vestindo a camisa do Palmeiras. O zagueiro classificou a atitude como uma "estupidez". Em nota publicada nesta quinta-feira, em uma rede social, Arboleda disse que perdeu uma aposta para amigos durante as férias, na qual se comprometia a vestir uma camisa escolhida por eles. Gostaria de me desculpar publicamente com os torcedores do São Paulo, membros da comissão técnica, jogadores, diretoria e a todos que se sentiram ofendidos ao me ver vestido com a camisa de outro clube. Errei ao apostar com alguns amigos que vestiria a camisa que eles escolhessem caso fosse derrotado no futebol disputado em minhas férias. Me arrependo profundamente disso, disse Arboleda, em um trecho da nota. Sei o quanto tive que trabalhar duro e me dedicar para chegar a um clube da grandeza do São Paulo e também para conquistar o respeito e o carinho do torcedor. Nunca deixei de me dedicar ao meu clube, ao meu escudo e a essas cores desde o primeiro dia em que tive a honra de vestira a camisa tricolor. E seguirei assim sempre. Novamente peço desculpas por essa estupidez. Tamo junto (sic) São Paulo, afirmou Arboleda, por meio da nota.

Fonte: GE

Bottas admite que quase desistiu da Fórmula 1

img1

Sucesso News |

Após sua melhor temporada na Fórmula 1, com quatro vitórias e um até então inédito vice-campeonato, Valtteri Bottas admitiu que chegou a perder a paixão pelas corridas no fim de 2018, quando viveu sua pior fase na carreira. Mesmo pilotando o carro campeão mundial (Mercedes), o finlandês não venceu nenhuma prova e foi um decepcionante quinto colocado no campeonato. Bottas admitiu que temeu perder seu lugar na equipe alemã e que lutou para recuperar os resultados e a paixão perdidas. Se eu tivesse uma temporada semelhante a 2018, não acho que a equipe continuaria comigo. É assim que a Fórmula 1 funciona. Eu me diverti muito mais entre as corridas agora e meio que me apaixonei pelo esporte, o que talvez tenha perdido um pouco no fim do ano passado. Estou gostando muito de pilotar e foi uma temporada tão importante para mim. Agora posso dizer com alegria novamente que tenho muitos e muitos anos e espero que ainda tenha o mesmo desenvolvimento, disse Bottas ao site "Autosport". Entre as temporadas de 2018 e 2019, Bottas intensificou a preparação física e até se isolou no inverno finlandês. Isso rendeu resultados, tanto que o finlandês venceu duas das primeiras quatro corridas e chegou a liderar a tabela. Depois, foi superado pelo companheiro Lewis Hamilton mas ainda venceu duas provas, no Japão e nos Estados Unidos, e garantiu o vice.

Fonte: GE